quarta-feira, 26 de setembro de 2012

O Dia D

Começou como qualquer segunda-feira. Dificuldade em acordar, vestir-a-primeira-coisa-que-encontro, seguir em modo piloto automático para o trabalho, beber café, fumar, trabalhar. Mandar mails, atender telefones, responder a entrevistas. Vou a casa almoçar. Volto. Trabalho. O Director Financeiro chama-me para uma reunião e atira-me um "calma agora" a caminho. Entro numa reunião. Saio de lá 10 minutos depois, com um papel na mão, uns euros mais rica e sem trabalho. "É a crise". "Estamos a facturar pouco". "Gostamos muito de ti e do teu trabalho, mas é uma questão de menor antiguidade [4 anos]". O tapete sai-me debaixo dos pés. O meu mundo vira-se ao contrário. Tinha chegado o Dia D.

O dia em que fui Despedida.

3 comentários:

rosa_chiclet disse...

Força querida..
deve ser um momento horrível, mas vais conseguir ultrapassar..

kisses***

http://rosa-xhiclet.blogspot.pt/2012/09/passatempo-rosa-chiclet-buhh.html

Sandrinha S. disse...

Vais encontrar outro trabalho rápido! Pelos menos, assim o desejo para ti!

Beijinhos!

Kat disse...

Ai cairs eu nao acredito :( força babe, nao te deixes ir abaixo!! um beijo grande e abraço forte!